« Home | Tenho tanta poesia {barata} dentro de mim, tanta ... » | Cartas para alguém nunca existiu... » 

24 novembro, 2005 

Achas-me especial, enquanto danço com as palavras e me inventas nariz, boca, cabelos e pele...
Viras-me do avesso e pedes para escrever mais e mais palavras... Dizes-me que o teu mundo é idêntico ao meu e não sabes como desejava conhecer alguém com um mundo como o meu.
Não foi à toa que procurei palavras, não foi à toa que coleccionei pensamentos...
Mas tu és o perfeito sedutor, com as tuas flores, beijos e passadas suaves... E dos sedutores tem-se medo...
E torna-se tão mais fácil "não viver". Estar-se quieto, deixar o vento passar, a maré encher, sentarmo-nos nas rochas e deixar o compasso do tempo medir a distância que nos protege de quem nos entra pelo coração e parece arrancar-nos a frio, pedaços de músculo.

Querida Ana
Belo trecho desse diário em epístolas que nos ofereces. Páginas em que a sedução te fez sentir mulher... mulher que não vives sem sedução...
Um beijo
Daniel

O que ia escrever era mais ou menos o que o meu antecessor já disse (o Daniel).
Fiquei curioso apenas num aspecto: quem será o sedutor?
E o teu texto é muito bem escrito, até porque não é nada fácil abordar estes temas.
Beijinhos

delicioso texto. E o medo de viver...ou não! bj de luz e paz

Receias os sedutores?!... uhummm.
e os "amadores de mulheres", também?!... saboroso o teu texto. bem sedutor! beijos

Hum!
Que candida brancura!?
Vou contemplar!
Até já!
Bjx

"Estar-se quieto, deixar o vento passar, a maré encher, sentarmo-nos nas rochas e deixar o compasso do tempo medir a distância que nos protege de quem nos entra pelo coração e parece arrancar-nos a frio, pedaços de músculo"

Nem sempre esta quietude é sinónima de "não viver" ....

bom senso? preferiria usar a tua prótria palavra: protecção!

Bel'Ana,
sedutor, o que procuras ou o que deixaste partir?


Belo

Uma posição de yoga, meditação, mar por perto...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

Senti-te mais tu neste texto. Mais transparente. Cada vez a escrever melhor...

Descobri só hj este teu espaço. Escreves muito e tenho andado distante. Eu sei. Falta de tempo talvez. Ou um sentimento de 'vergonha' por ñ puder ler e comentar tudo como antes fazias cmg. E eu queria ler. E por x's leio vários posts dos outros blogues mas fico como que sem palavras para comentar... mas estou, mesmo silenciosamente, lá.

Gosto muito do que escreves e de ti menina Raquel ***

Beijinhos *

P.S. Vou linkar este teu cantinho tb! :)

isto está bonito
por vezes a cor estraga
belo desenho

bjs e boa semana :)

Adorei simplesmente está belo. Beijinhos

Bonito. Vou voltar e espreitar!

Sedutor éeste texto.Lindo!

Obrigada por me teres trazido até aqui, vou-me regalar, tá visto;)

Beijo da Lina/ mar revolto

NUNCa É! bom feriado. Bjs e ;)

Enviar um comentário
Papillon
Eu...


Será sempre
uma outra
forma de comunicar
uma outra
forma de estar
Raquel V.